Pai nosso que estás nos céus…

(Mateus 6:8) Portanto, não vos assemelheis a eles; porque Deus, o vosso Pai, sabe tudo de que tendes necessidade, antes mesmo que lho peçais.

Durante a narração dos acontecimentos dos evangelhos, vemos a preocupação de Jesus, em ensinar, em ministrar.

Vemos na narração feita por um dos apóstolos, Mateus (homem fiel, ex publicano, considerado estrangeiro por cobrar imposto para outra nação), a preocupação em narrar à proximidade do próprio DEUS através da pessoa de JESUS para com os seus.

 

O livro se apresenta em três períodos:

1 . Período dividido em duas fases :

(1fase) de 12 anos ; de 4 a.C. 8 d.C.; nascimento, infância, juventude de JESUS;

(2 fase) de 18 anos de 9-27 d.C ; anos de silêncio bibliográfico.

 

2 . Período:

Compreende seis meses, aproximadamente 27 d.C. (o auge do ministério de João Batista, o princípio do ministério de Jesus, em alguns lugares da Palestina, não esquecendo do seu batismo, das tentações no deserto, e os primeiros discípulos (Pedro e André));

 

3 . Período:

Compreende dois anos e meio, aproximadamente 27-29 d.C. (ministério de JESUS na Galiléia (deriva do hebraico galil há-goyim – círculo das nações), acontecimentos como sermão do monte, 25 milagres, 19 parábolas, etc… Cumprindo a profecia (do Livro de ISAÍAS 9:1) – “Apesar de tudo, eis que não haverá mais escuridão para todos quantos estavam desesperançados. No passado ele humilhou a terra de Zebulom e de Naftali; contudo, no futuro cobrirá de glória a Galileia dos gentios, o caminho do mar, o Além do Jordão, gelîl ha-goym, o distrito das nações”

 

JESUS, não caminhou e ministrou sobre essa terra apenas para demonstrar que Ele é Senhor, mas o fez para profetizar as nações, aos povos, as famílias, à vida com DEUS pai.

Vemos através da história, que Deus nos conhece, somos seu povo, escolhidos e eleitos por ele.

 

Estando JESUS a orar, um de seus discípulos fez um pedido, disse “ensina-nos a orar”, como João Batista ensinou a seus discípulos.

 

Jesus ensina-nos a orar.

Livro de Mateus dos Evangelhos no capítulo seis, Jesus nos ensina a orarmos profeticamente, unindo a nossa vida terrena com a celestial em uma única oração.

(Mateus 6: 7) “E, quando orardes, não useis de vãs repetições, como fazem os pagãos; pois imaginam que devido ao seu muito falar serão ouvidos”.

Durante anos, a mando do Bispo Germano (Papa do séc. 7, instituiu o latim e as imagens, fazendo com que certas questões bíblicas se tornassem SOFISMAS [2Cor 10: 4] “Pois as armas da nossa guerra não são terrenas, mas poderosas em Deus para destruir fortalezas! (sofismas)! “– mentira, maquiada por argumentos que parecem verdadeiros). Não é uma vã repetição (vã: insignificante, falso, ilusório, inútil, uma fantasia).

 

Pai nosso,

(JESUS se refere o Deus sempre como Pai celestial, parentesco espiritual, simples com amor). Luas 11: 9, Portanto, vos asseguro: Pedi, e vos será concedido; buscai e encontrareis; batei e a porta será aberta para vós.10, Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e a quem bate se lhe abrirá. 11, Qual pai, dentre vós, se o filho lhe pedir um peixe, em lugar disso lhe dará uma cobra? 12, Ou se pedir um ovo, lhe dará um escorpião?

 

Que estás nos céus

(O Pai está em uma das 3 dimensões celestiais, é necessário nos atrairmos a atenção Dele a nós). JESUS antes ou depois de um grande acontecimento se separava e orava e adorava ao Pai. (antes de andar sobre as águas) Mateus 14:22  Imediatamente após, Jesus insistiu com os discípulos para que entrassem no barco e fossem adiante dele para o outro lado, enquanto Ele despedia as multidões. 23, Assim que mandou o povo embora, subiu sozinho a um monte para orar. Ao chegar da noite, lá estava Ele, só.”; (No Getsêmani) Mateus 26:36, Seguiu Jesus com seus discípulos e chegando a um lugar chamado Getsêmani disse-lhes: “Assentai-vos por aqui, enquanto vou ali para orar”.;(eleição dos doze) Lucas 6: 12 “E ocorreu naquela ocasião que Jesus se retirou para um monte a fim de orar, e atravessou toda a noite em oração a Deus”..

 

Santificado seja o teu nome

((I Pedro 2:5) –“Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo”). Onde há santidade Deus é entronizado. (Hebreus 1:8) – “Mas, do Filho, diz: Ó Deus, o teu trono subsiste pelos séculos dos séculos; Cetro de eqüidade é o cetro do teu reino”.

 

Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu;

(salmo 72 : 6,7,8 “Ele descerá como chuva sobre a erva ceifada, como os chuveiros que umedecem a terra , nos seus dias florescerá o justo, e abundância de paz haverá  enquanto durar a lua, dominará de mar a mar, e desde o rio até às extremidades da terra”; promessa de avivamento antes de sua volta (Habacuque 2:14 – “Porque a terra se encherá do conhecimento da glória do SENHOR, como as águas cobrem o mar”.).

 

O pão nosso de cada dia nos daí hoje

(duas vertentes, física e espiritual); Física (Filipenses 4:19 – “ O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus”).(LC 11:3 pão cotidiano) espiritual (livro de João cap. 6:48, Eu sou o Pão da Vida.49, Vossos pais comeram o maná no deserto e estão mortos.50, Este é o pão que desce do céu, para que todo o que dele comer não morra. 51, Eu sou o Pão Vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá eternamente; e o pão que deverei dar pela vida do mundo é a minha carne.”

 

E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como perdoamos o nossos devedores

Refere-se ao pecado (Hebreus 9:14 – “Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?” , arrependimento das obras mortas.).

 

E não nos induza a tentação; mas livra-nos do mal;

(Apocalipse 3:10) – Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra. Quanto mais perto da glória, mais glória, quanto mais longe do abismo, mais glória.

 

Porque teu é o reino, e o poder, e a glória, para sempre. AMÉM.

(Apocalipse 14:6-7) – E vi outro anjo voar pelo meio do céu, e tinha o evangelho eterno, para o proclamar aos que habitam sobre a terra, e a toda a nação, e tribo, e língua, e povo; Dizendo com grande voz: Temei a Deus, e dai-lhe glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas.

 

Espero ver seu comentário abaixo.

E por favor, compartilhe !

 

AH ! Gostaria de indicar um e-book “Pai nosso assim como Ele nos ensinou”. Nós temos uma missão que recebemos de Jesus, nosso Senhor e Mestre! Ele iniciou uma mobilização mundial de oração e intercessão quando Ele ensinou aos seus discípulos e às multidões a orarem assim: Pai nosso, que estás nos céus…

E têm mais, clicando AQUI no banner abaixo você terá acesso há 12 hs aula em áudio sobre o “Pai Nosso”. Confira!

 

 

Quer receber estudos Vips primeiro que todo mundo? Preencha o campo abaixo e seja um Multiplicador de Conhecimento.

Cadu
Siga-me

Cadu

Nossos dias são cheios de desafios que, se aproveitados, transformam-se em oportunidades relevantes para obtermos resultados. Tecnólogo, Jurista, Teólogo e SEO do Multiplicador de Conhecimento.
Cadu
Siga-me